Aldeia de Olivença   Parque Aquático do Tororomba   Centro Cultural de Olivença
No ano 1500 a tribo local dos índios
Tupinambá vieram os primeiros barcos
europeus chegaram e fizerem o primeiro
contato com o povo branco no território
deles.


No ano 1538 os ocupantes portugueses
começaram com a construção dos
engenhos onde eles deixaram os índios
trabalhar como escravos. Séculos depois,
a humilhação e sofrimento acabaram, mas
a luta para deixar a identidade e a tradição
viva ainda continua.


A aldeia de Olivença com a praia Batuba
em frente. Por favor, clicar para ampliar.
__________________________________

Especialmente fora da alto temporada do
turismo, Olivença é uma aldeia tranqüila,
ideal para pessoas que querem curtir a
linda natureza da região e as praias
desertas ao sul. Olivença tem alguns
restaurantes e bares agradáveis. Para
saber mais sobre as praias da região,
clique aqui.

A praia da "Backdoor" é excelente para
surfar. Entre os surfistas, Olivença é
conhecido por os talentos e mesmo
campeões nacionais!



O texto na entrada escrito na parede fala o
seguinte;

TOROMBA: Ribeirão que tem o seu nasce-
douro numa serra bem próxima do povoado,
cujas águas contem: ferro, magnésio e iodo.
Vegetal oriundo da planta conhecida por
“cainana” e com media radio atividade. Seu
valor para doença da pele e do estomago é
proclamado já por toda parte inclusive em
Paris, onde um médico sempre envia doentes
para tratamento pelas águas de tororomba.
Sendo comparada em seu teor as águas de
VICHJ, na França. A “limenita” que Olivença
possui em regular quantidade é a criadora da
radioatividade nas águas.



O Padre Camilo Torrand, um dos maiores Botânicos e estudiosos que já tiverem por
aqui, foi o maior entusiasta de Olivença,
colheu e levou suas águas para a França e,
lá em laboratórios especializados, fez os
exames concluindo por proclamar uma das
melhores águas minerais existentes. O Padre
Enrique Failla, foi outro estudioso das águas
de Olivença e que muito se entusiasmou com
aquela fonte.
O Centro Cultural é localizado no morro atráz
do Parque Aquático do Totoromba. Em geral é
utilizado como um ponto onde os índios locais
mantêm os rituais e mitos vivos, falando sobre
a história e apresentando peças.
l

Centro Cultural de Olivença


  Nossa Senhora da Escada
A primeira igreja de Olivença, a Nossa Senhora
da Escada, foi construída pelos Jesuítas, no
começo do século 18, bem no centro da
pequena aldeia no topo do morro.



Hoje em dia a enladeirada Praça Cláudio
Magalhães, enfrentando a igreja, é rodeado
com casas, bares, escolinhas e mercearias.
_________________________________________________________________________________________
Home          Hotéis          Pousadas          Restaurantes/Bares          Praias          Viajar         Passeios          Imóveis
Centro de Convenções         Olivença          Ilhéus Mapa          Links          Mapa do Site         Contato
Copyright © 2011 Brasilheus